domingo, 25 de fevereiro de 2018

Alkaisers - Antídoto

O rock não morreu!
Saudações ilustres visitantes e curiosos de plantão!

Hoje irei comentar um pouco sobre o lançamento do CD Antídoto, da banda brasileira Alkaisers. Conheci a banda pelo Youtube há alguns anos atrás. Eles apresentam um som competente e honesto o que me fez gostar logo de cara. A primeira música que ouvi foi o petardo "Teoria da evolução"  e desde então fiquei na expectativa deles lançarem um álbum completo. E foi só em 13/07/2017 que esta maravilha aconteceu. Musicalmente, o disco é bem produzido, nos proporciona um rock direto, com melodias cativantes e letras crítico-sociais fortes.
Algo que achei bastante criativo: a versão física vem em uma embalagem em formato de saquinho de soro, o encarte é em formato de "bula" onde contém as letras. As músicas são listadas em "miligramas", dando a idéia de medicação. Se eu encontrar lugar que venda é compra na certa!!!

Alkaisers - Antídoto (2017)
Nota:10

1mg - Contágio
Introdução que abre o CD trazendo o clima do caos, com sons de carro batendo, gente gritando e tiros de metralhadora.

2mg - Apocalipse Zumbi
Uma das mais divertidas do álbum. Um som bem cru e com um refrão bem marcante, daqueles que a gente fica cantarolando sem perceber...

3mg - Frankenstein
Começa em ritmo acelerado, a letra apresenta uma crítica a sociedade materialista, onde o que importa é o "ter" e preocupação excessiva com a aparência. Como no exagero em cirurgias plásticas que acabam fazendo do ser humano um frankenstein.

4mg - Meu caro amigo vampiro
Essa música é dedicada aos parasitas, serve para tanto para políticos em geral como aquele conhecido teu que só se lembra de você quando precisa.

5mg - O mundo dos figurantes
A letra conta uma fábula sobre o mundo moderno. Um brinquedo que tem seu desejo realizado ao ser transformado em homem, mas aí vem as consequências e o arrependimento... Ou seja, deixou de ser um protagonista para se tornar mais um "figurante". A faixa tem um começo lento em compasso de valsa, mas explode no refrão.

6mg - Teoria da evolução
Esta foi a primeira música que eu ouvi dos caras, lá em 2013, e desde então fiquei aguardando eles lançarem um álbum. Sem dúvida a melhor do CD. Uma crítica pesada contra as mídias que tentam a todo custo impor uma engenharia social para a sociedade. Uma sociedade cada vez mais bestializada, se aproximando ao lado primitivo, mas que para alguns é "evolução".

7mg - As flores do seu jardim
A ironia começa nos primeiros versos "Eu não digo nada com nada, mas vivo feliz, regando as flores douradas no jardim" ao fundo acordes melancólicos. Para novamente explodir com um refrão frenético, com as mesmas rimas, enfatizando o tom de monotonia da letra. Percebi uma certa influência de System Of A Down nesta faixa.

8mg - Tubarões de gravata
Um rock cru que vem descendo a porrada no estômago com mais uma letra ácida sobre corruptos. "Por isso eu peço dias à fio / que todos eles vão para a puta que os pariu". No meio da música há uma referência ao tema do filme "Tubarão".

9mg - A fantástica fábrica de idiotas
Uma letra bem sarcástica. Outra crítica ao povo alienado que só quer saber de putaria, futebol e BBB, enquanto nossos governantes, eleitos por nós, estão fazendo a festa.

10mg - Zebras não sabem voar
Ao ouvir esta música, lembrei logo do meu trabalho. Mais uma letra sensacional! Assim como o livro "A revolução dos bichos" usa animais para representar pessoas.

11mg - Final feliz
E encerrando o álbum temos uma faixa hardcore, cuja letra faz referências aos contos de fadas. Contando uma história no mundo real de uma vítima esperando o tal "final feliz".  

Formação:
Fernando Heanna: voz, baixo
Vini Palhares: guitarra, segunda voz
Thales Mazzi: bateria



Uma pena que as músicas "O heróis que há em mim" e "Corpo fechado" ficarem de fora. São ótimas, mas não se encaixam no conceito do Antídoto. Quem sabe eles estão guardando para o próximo lançamento.

2 comentários:

  1. Alkaisers merece todo sucesso e reconhecimento!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é uma ótima banda! E nós como fãs do bom e velho rock devemos apoiá-la.

      Excluir